Scrumban: o que é e como implantar? - beefor

Scrumban: o que é e como implantar?

Por: 11 de julho de 2022 7Min de leitura

Entenda o que é o Scrumban, método híbrido que une o melhor do Scrum com o Método Kanban para proporcionar ainda mais resultados.

Segundo o 15th Annual State Of Agile Report publicado pela  Digital.ai, “…o Scrum como o método ágil mais popular abordagem com 66%…” Ou seja, na opinião dos 1.380 entrevistados globais  é a metodologia Scrum a mais usada e que proporciona os benefícios almejados pela agilidade.

No entanto, em segundo lugar nesta pesquisa está Scrumban com 9%. O que é Scrumban? Como implementar Scrumban? Trata-se de um novo método? Como é o Scrumban na prática? Como Funciona? Esses são alguns exemplos de questionamentos que podem ser feitos ao deparar com esse nome e principalmente ocupando o segundo lugar.

Você pode escolher Scrum:

Como implementar a metodologia Scrum

Ou pode querer:

Método Kanban: como implantá-lo de maneira simples

Ou escolher os dois Scrum e Método Kanban aproveitando o melhor dos dois.

O que é Scrumban?

Scrumban é um framework ágil híbrido, ou seja, que combina recursos importantes de duas metodologias: Scrum e Kanban. O primeiro método trabalha com Sprints que têm durações definidas. E durante esse período todo o time foca para concluir o Sprint Backlog. Por sua vez, o método Kanban trabalha com o fluxo contínuo de entregas. Portanto isso faz muita diferença entre os dois. 

Scrum ou Kanban: qual melhor escolher para sua empresa?

 

Como implantar Scrumban?

Antes de iniciar qualquer mudança ou implantar qualquer metodologia, realize o Agile Assessment. Pois torna-se primordial saber qual nível de maturidade ágil está atualmente. Implementar mudanças sem saber como está atualmente, no futuro, quando for procurar mensurar os benefícios da adoção da agilidade não terá a linha de base como parâmetro de referência e assim ter as variáveis para obter resultados que possam demonstrar a evolução real. 

Avaliações de Maturidade – Por que realizar?

O resultado dessa avaliação de maturidade ou assessments, além de contribuir para que estabeleça o roadmap das próximas fases, também vai garantir que a melhoria contínua da agilidade seja orientada a dados e não a “achismos”.

Pronto! Já de posse do cenário atual os próximos passos para a implantação do Scrumban tornam-se mais fáceis. Siga o passo a passo abaixo:

1- Faça mapeamento do fluxo de valor:

Primeiramente realize o mapeamento do fluxo de valor, considerando como foco o cliente. Em outras palavras, identifique quais etapas o produto ou serviço passa até que seja entregue ao cliente. Cada fase será considerada como uma das colunas que irão compor seu quadro Kanban. 

Ao utilizar a plataforma beefor, vai ter a opção construir os quadros com as respectivas colunas. Além disso, definir e tornar as políticas do fluxo conhecidas por todos! Assim, vai remover ineficiências e reduzir desperdícios mantendo uma comunicação transparente com as orientações da coluna. Essa funcionalidade ajuda a direcionar os membros do time em relação ao momento, situação ou objetivo da coluna em questão.

2- Planeje o fluxo contínuo de entregas e suas reuniões:

Defina as reuniões, pois cada uma tem sua duração e objetivo específico. Com isso, o time vai conseguir desenvolver as atividades, inspecionar e adaptar as entregas:

Em relação ao planejamento, como é realizado fluxo contínuo de entregas, basta priorizar o backlog do produto para que o time possa iniciar o trabalho.

3- Priorize o Backlog do Produto:

Para maximizar o resultado do valor, precisa estar alinhado à estratégia, aos objetivos do negócio e às entregas que o time irá realizar. 

Gestão de Backlog do Produto: o segredo foi revelado 

O fluxo de trabalho adotado será puxado, ou seja, a medida que for concluído uma entrega iniciá próxima. Dessa maneira, vai conseguir o equilíbrio do sistema kanban e não sobrecarregar o time. 

4- Limite o trabalho em andamento:

Para evitar os atrasos torna-se importante limitar o WIP (Work in Progress). Pois quanto maior a quantidade de demanda em andamento, também será maior o tempo para terminar e realizar entrega. Isso faz com que seja importante identificar a capacidade de entrega do time e limitar o trabalho em andamento.

Com a plataforma beefor a funcionalidade Limite de Wip faz a restrição da quantidade de trabalho que irá entrar em determinada coluna de trabalho. Com isso, gera maior organização e produtividade do time, pois focam seus esforços nas atividades em desenvolvimento naquele momento. Para incluir o Limite de Wip na plataforma, basta acessar o Quadro do time e fazer a configuração diretamente na Coluna.

Quais métricas usar com Scrumban? 

A necessidade de utilizar métricas ágeis torna-se fundamental quando se utiliza o Scrumban, assim como no Scrum ou Método Kanban. Portanto, cada uma vai auxiliar para promover mais insights dos dados para identificar novas oportunidades de melhorias em relação ao fluxo e a percepção de valor seja do cliente ou dos stakeholders. 

Métricas Ágeis: ao que você deve estar atento

beefor disponibiliza as métricas ágeis necessárias para gerenciar todo ciclo de demandas. Além disso, vai suportar com suas funcionalidades a implantação do Scrumban. E como resultado, proporcionar para sua organização a gestão das práticas, pessoas e resultados. 

Aproveite essas e outras funcionalidades do beefor. Clique aqui. 

————————

Referências:

15th Annual State Of Agile Report disponível em: https://digital.ai/resource-center/analyst-reports/state-of-agile-report